Bom desenho

domingo, 29 de Janeiro de 2012

Aviso

People eu volto a repetir, eu não tenho postado letras novas porque tou a criar outro site, com as mesmas, obrigada, agradeço a compreensão :) . E para quem manda ''mensagens'' para o NGA acreditem, são entregues, eu mostro-lhe sempre, e a todos os que já mandaram ele agradeceu e ficou contente com as vossas palavras, por isso continuem hehe. Normalmente não vos respondo, porque não deixam contacto ou comentam em anónimo, e nunca sei a quem me dirigir assim, mas mesmo que não vos diga, a todos voces um OBRIGADO meu por passarem aqui, e do NGA pelas vossas palavras.
Quanto ao novo site, quando estiver pronto, eu coloco aqui o link.

quarta-feira, 7 de Setembro de 2011

Nga & Don.G - Aonde É Que Estavas (Feat Prodígio)

(Diz-me nigga onde é que tavas?, onde é que tavas minha mana onde é que tavas?, onde é que tavas meu mano onde é que tavas?)

Nga :
Sempre atrás do mesmo sonho é difícil mas não desisto
Tas aqui mas na hora ’ H ‘ não me lembro de ter te visto
E é por isso que, quando me elogias nem te ligo
Porque eu sei que é só conversa, és um dos novos amigos
E quando a FS não era importante e os carros não tinham jantes
Não conhecias mais dizias que eu era arrogante
Mas hoje tu queres o show mas tal como todos pagas
Gozavas quando eu andava com as minhas calças largas
E dizias que o meu rap não tinha realidade
Não é tua boy, é a minha realidade
Mudar Flyer’s a noite nas ruas de Lisboa
O que pra ti eram só putos andarem a toa
Mas o puto que andava a toa pó topo vai
Rias lá em cima ma nigga, tudo o que sobe cai
Caís-te, e não recuperas-te da queda
Quando eu cair vai ser em cima duma puta nos lençóis de ceda

Refrão:
Onde é que tavas ma nigga? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas minha mana? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu mais precisava onde é que andavas?
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu precisei de ti, my nigga onde é que tavas?

Don G :
Onde é que tavas amigo da porcaria
Quando eu precisei de ti naquele maldito dia
Tavas em tchilos, em copos putaria
Tu fizeste questão de esquecer que eu existia
Onde é que tavas quando eu precisei de help
Viraste-me as costas, cagas-te no meu rap
Onde é que tavas pó Masta pó Don e o Pimp
Quando a Força Suprema parou na 120
Onde é que tavas? Nem me lembro de te ver
Não me lembro de ligares nem ao menos para saber
Nos bons momentos é que vemos quem são nossos
Pouco a pouco tou no topo my nigga mas vim do poço
Não abre a boca, não me chama de família
Traição não tem perdão my nigga te quero a milhas
Lealdade, algo que eu não vou perder
Por vocês Força Suprema, Street Nigga até morrer

Refrão:
Onde é que tavas ma nigga? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas minha mana? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu mais precisava onde é que andavas?
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu precisei de ti, my nigga onde é que tavas?

Prodígio:
Se a família não for tudo, então tudo não é nada
Eu vivo, morro, mato pelos brotha’s
Por isso é que eu pergunto, aonde é que tu andavas
Quando as ruas eram frias e o sol nunca brilhava
Quando até roupa a gente emprestava
A cota detestava, roupa larga não comprava
Quando a gente nem sequer tinha um pc
Era do multi-pista para a disquete, da disquete pró cd
Não tamos no mesmo game VDF
Vês é o nosso (slang?) não percebes
Sente, esse nick é bué boo
SN for life pergunta ao nigga Belzebu
Respeito e Lealdade tem de ser o Lema
Existem muitas forças, só uma é que é Suprema
Nós vivemos RAP vocês são Mc’s
Fotocópias do RAP, nós somos o raio-X

Refrão:
Onde é que tavas ma nigga? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas minha mana? Onde é que tavas? (2x)
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu mais precisava onde é que andavas?
Onde é que tavas meu mano? Onde é que tavas?
Quando eu precisei de ti, my nigga onde é que tavas?

Nao Estou a Mentir…. (Ft PierSlow)(Prod by ProLine) Reis Da Ls 2 - Nga & DonG

Pierslow:
E se eu disser que não te quero
Que tudo não passou de um pêro
Eu não vou estar a ser sincero
Eu vou estar a mentir, Eu vou estar a mentir
Não me deixes nesse desespero
Tu és aquela que eu mais quero
Eu juro estou a ser sincero
Eu não estou a mentir, eu não estou a mentir

Prodigio:
Uh-uh Era suposto ser apenas uma noite
Entrei no clube com os meus papoites
Shawty tava lá, bem vestida
Ela disse Olá prodígio, Atrevida
E eu nem mayei, Nem gaguejei
Eu disse fofa tu queres ser nora do Nga(Prazer)
Ela só sorriu mas acabamos no meu crib,
Eu nem sei desaparecemos
E ninguém nos viu
Já no cubico foi a noite toda
Incomodamos vizinhos pensaram que era um boda(Barulho)
Eu que pensei que não passou disso
Mas acho que tu tens algo que eu preciso

Pierslow:
E se eu disser que não te quero
Que tudo não passou de um pêro
Eu não vou estar a ser sincero
Eu vou estar a mentir, Eu vou estar a mentir
Não me deixes nesse desespero
Tu és aquela que eu mais quero
Eu juro estou a ser sincero
Eu não estou a mentir, eu não estou a mentir

DonG:
Prodigio WARUP
Yeaahhh Não é só desejo não é só pêro não é só cama
Quando encostas com esse cheiro deixas o meu corpo em chama
Derretes tudo, deixas o DonG bem mole
Tu não pêras, tu não chupas, tu simplesmente engoles
Sugas tudo, sou refém desse teu corpo
E gosto quando chamas donG meu gangsta fofo
Cuidas de mim, seduzes, aconselhas
Adoro esses teus lábios a volta da minha orelha
Unhas comprimidas, arranhas suavemente
É na cama, é no sofá, é no tapete, sempre quente
És diferente, um minuto tou me a vir
Quando digo que és quente baby não tou te a mentir


Pierslow
E se eu disser que não te quero
Que tudo não passou de um pêro
Eu não vou estar a ser sincero
Eu vou estar a mentir, Eu vou estar a mentir
Não me deixes nesse desespero
Tu és aquela que eu mais quero
Eu juro estou a ser sincero
Eu não estou a mentir, eu não estou a mentir

Nga:
HEYY, HEYYY, HEYYY,HEYYY
Heyy, Nigga mais quente nessa merda de club yeah, Facto
Levo te pra lua sem saíres do quarto
King Nga, filho da rua
Jantes no veículo ando numa grua
Nada de snitch em mim, nunca viste bitch em mim
Tatuagens no meu corpo para ela e o DAVINCI-NGA
Mo nigga PIMP Aqui, Mo nigga P ta ali, P e o prodígio também ta o Don P aqui
Não há confusão aqui e tudo irmão aqui
É muito fumo, muito gold muito beirão ma mi
Não diz que não, é sim
Porque é grande a probabilidade de acabares no meu colchão no fim

Pierslow:
E se eu disser que não te quero
Que tudo não passou de um pêro
Eu não vou estar a ser sincero
Eu vou estar a mentir, Eu vou estar a mentir
Não me deixes nesse desespero
Tu és aquela que eu mais quero
Eu juro estou a ser sincero
Eu não estou a mentir, eu não estou a mentir


Por: Ruben J DaSilva

terça-feira, 6 de Setembro de 2011

NGA e Don. G [Reis da LS] . – Minha Carta de Amor

NGA:
(Eh, vou precisar de uma caneta my nigga, passa, yaya, passa ai essa folha se faz favor, passa ai a folha…. G Black na track… Obrigado pelo beat my nigga)

Eu tou sentado no estúdio enquanto, penso nesse corpo que eu amo tanto
Mas como puto crescido magoou tanto
Eu não sou perfeito, tou longe de ser santo
Tu vais sofrendo e entretanto o tempo passa, que eu vou mudar não te garanto
Esse som é pra ti, é pra ti que eu canto
Tu dás a vida por mim, o teu amor custa quanto?
Não tavas á espera e eu vejo o espanto
Eu sou da rua, se eu cair eu me levanto
Mas eu não vim, para falar de mim
Enquanto eu dou o meu show tu tas nos camarins
Não queres o anel, queres o compromisso
Eu fujo, digo que não tenho jeito para isso
Ás vezes penso é que eu não tou pronto
Digo que eu te amo, mas eu não te mostro
Mas é assim que funciona aqui
Não acreditava nessa merda até que eu te vi
Fechei os olhos, adormeci
O tempo passou, e quando dei por mim,
Mais de dez anos tinham passado
E tu continuavas do meu lado
Tal como a dor, tens o meu nome tatuado
E isso não se paga com um simples obrigado
Acendo a bula e entro na zon
O que não digo na tua cara vai para o microfone
Eu e tu sentados em chrome
Tu continuas á espera que eu diga o teu nome
Não é vergonha, é falta de coragem
Tento te amar, mas ainda tou na fase de aprendizagem
Essa é a minha carta de amor para ti
Assinado para sempre o teu NG.

domingo, 31 de Julho de 2011

Força Suprema- Geração á Raska (Feat. Ortiz) 2011

Don-G:
Eu tou farto dessa merda desse stress todo o dia
Dessa rua dessa esquina é sempre a mesma porcaria
Eu tou farto de acordar e já não ter o que comer
Porque os empregos tão fodidos já nem sei o que fazer
... Eu tou farto motherfucker já não quero saber da crise
Nós sabemos que ela existe tragam soluções please
Oh, e ainda pensa que eu sou louco?
Quando vejo todos os dias familias no sufoco


Nga:
Eu já não consigo ligar a televisão
Sem que alguém reclame do preço da água ou do pão
É dia sim (dia sim) dia não mais uma manifestação
Acaba quase sempre em confusão
Essa é a conclusão povo na miséria politico num novo carrão
Povo na barraca politico na mansão
E os velhos que têm como companhia a solidão


Refrão (Ortiz):
Eu tou farto de mentiras e ver só gente a sofrer
Eu tou farto de injustiças e ver o povo a morrer
Andamos atrás do billing andamos atrás da paca
Inocentes aflitos é geração á raska


Nga:
Justiça é encenação
Eles dizem que é um só povo uma só nação
O pobre rouba vai para a prisão
Direitos iguais é o que diz na constituição
Voz do povo é a voz da razão
Quando á falta de emprego o povo culpa a imigração
Pobreza não escolhe cor tudo na mesma situação
Tá fodida a nossa geração


Don-G:
Eu tou farto dos impostos a subirem em flecha
Dos abonos atrasados onde é que a gente se queixa?
E essa merda está um caos
As cadeias estão lotadas mas não só de homens maus
Mas sim de alguns que procuravam sustento
Que fartaram das mentiras dos senhores do parlamento
(Estamos fartos) E hoje anda tudo atrás da paca
Todos aflitos geração á raska


Refrão (Ortiz):
Eu tou farto de mentiras e ver só gente a sofrer
Eu tou farto de injustiças ever opovo a morrer
Andamos atrás do billing andamos atrás da paca
Inocentes aflitos é geração á raska


Por: Tiago Rocha

sábado, 4 de Junho de 2011

Nga – Faz Parte do Hustle Pt. 2 (Feat. Masta)

NGA:
Todo o tipo de dificuldades na minha vida,
Mãe trabalha enquanto o cota afoga dor na bebida,
Cota bule tipo escrava pá que não falta comida,
Irmão, ta na cana rua é um beco sem saída,
Professores num motivam, estado num quer dar docu,
Advogado num consegue tirar o meu brada da cusu, (Não!)
Então eu to na rua e to atrás do meu cumbú, (Money!)
Consciência num me pesa eu num penso como tu,
Pra mim é necessidade a minha avó diz que é feitiço,
Bué jornal só pá dá, mais volume ao meu chouriço, (baybeé!)
Masta embrulha dentro da minha cabeça eu sou um trafulha, (traficante)
Refunde o mambo rápido, Bongó ta fazer Patrulha,
Aí meu deus se a minha cota descobre,
Ela diz que deus protege, mais eu to farto de ser pobre,
Não que isso me traga riqueza,
Me traz problemas mas também põe comida na mesa,

Masta (Refrão):
Faz parte do hustle, quando o mano cai levanta e segue em frente,
Não me podes julgar, porque todos desenrascámos de forma diferente,
Eu venho das ruas, da linha de Sintra e não me interessa, de onde tu vens,
Faz a tua cena, põe comida na mesa não nos podem julgar,
Porque o que a gente faz, (Faz parte do hustle!),

NGA
Hoje mal vi o sol, no cúbico todo o dia,
Aqueço a faca enquanto eu corto tchi-tcho as fatias,
Placas de Cinco, Placas de Dez,
Payo comprimidos pá sacar gravidez,
Bom Preço, faço-te uma linha trinta, (linha!)
Vem ter comigo (aonde?), na linha de Sintra,
Tenho avilo que trás, bula da banda,
Comprimidos da Holanda e assim o meu mambo anda,
Graças a branca, graças a placa, (o quê?)
Tratei da residência e consegui tira carta,
E em casa, mo mano pitéu já não falta,
Olho pró espelho com um sorriso, meu irmão sou um hustla,
Bula me relaxa, copo mata sede, (sede!)
Ligo pró Masta, móvel perde rede,
Judiciaria aparece, me encosta na parede,
Dois dias depois eu to na mesma cela que o meu cota Ed!

Masta (Refrão):
Faz parte do hustle, quando o mano cai levanta e segue em frente,
Não me podes julgar, porque todos desenrascámos de forma diferente,
Eu venho das ruas, da linha de Sintra e não me interessa de onde tu vens,
Faz a tua cena, põe comida na mesa não nos podem julgar,
Porque o que a gente faz, (Faz parte do hustle!).


Poor Gau Pedro II


Nga – Round 2 (Intro) - Faixa Nº1 NGA VS Madkutz 2

( Jornalista a falar ) ...
Num é Nghá é Nghey,
E se alguém não percebeu just press replay,
Tranco a rua queimo a net,
Eu trabalho pa caralho e colecciono cheques, (Money)
Vetereno olhado como novato,
Mais quente que fogo e eu no mike causo impakto, (uuh)
Qualquer coisa tipo o wayne e o jay-z,
Lenda nesse game tipo quem? O AC, (Kutz)
Rap da rua não é rap Pimba, (nepia)
Carimbo da aprovação, kutz Carimba ! (Kutz!)
Brilho tipo as minhas jantes makin stop and look,
Mais flow’s que amigos no facebook, (ham)
E eu venho duas vezes mais fobado,
Kutz disse Ng Duas vezes mais pesado,
Round two é duas vezes abusado,
Hip-Hop português duas vezes mais parado, (uuH!)
E assim fico duas vezes orientado,
Num ano eu fodo mais que duas vezes o mercado,
Hood Star, eu tenho cuarras no car,
Mais eu levo Rap asserio com essas barras out Bar’s ?,
Kutz disse que sou esperança do Rap Luso,
Quando eu me vejo como ameaça po Rap Luso,
Eu não bato bem tipo falta um parafuso,
E o que eu faço nesses beats meu mano é um abuso,
Meu Nigga Kutz deve tar arrependido,
Nunca devia ter chamado um wi tão convencido,
Peguei num algodão, tirei a cera do ouvido,
Ouvi o que vocês fizeram e eu fiquei aborrecido,
Sou muito comprido, pouco amadurecido,
E graças a elite hip-hop tuga ta fudido,
Ou são fracos ou são fingidos, (são)
Rappers sem futuro querem dar pa bandidos, (uuh !)
Eu entrei no game tipo máfia russa,
Albums e Mixtapes só pa vossa fussa,
E como diz o Doçura mambo vai dar cussa,
Eu digo é pra ti se servir a carapuça,
Bruxo nesse som eu não quero coro,
Teus beats eu devoro no fim comemoro, (Uuh!)
Aí ai meu deus granda sonoro,
Sou tipo vinho do porto,
Com o tempo só melhoro,
E o mo rap ta pesado eu não amacio, (não)
Cuspo em qualquer beat pronto po desafio,
Se num tiver cash desconfio,
Cumbú me causa arrepio e me deixa com cio,(uuH!)
Num produzo eu não escrevo, ma nigga eu crio, (crio)
Contratos de editoras de merda desvio, destancio,
Man as minhas rimas são malucas meu flow ta doentio, (uuH !)

(Jornalista a falar) …
Esse Percalço foi a jújú ,
Querem me tirar da rua e me mandar pa cusú,
Quando eu to concentrado é no meu cumbú, (Money)
Enterro Rapper’s como tu mentem mais que o mamadú,
Rei de Ls Mathafucka stay True,
Man ma família não curtes, Fuck You, (Fuck)
One luv pró Bambino e pró Bantú,
Vim dar esperança ao rap Nga onu,
KUTZZZ !
Por : Gau Pedro II